TSE concede HC a Garotinho

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) concedeu, por 4 votos a 2, habeas corpus ao ex-governador do Rio, Anthony Garotinho, em sessão realizada na noite desta terça-feira (26). Ele estava em prisão domiciliar desde o último dia 13, em sua residência no bairro da Lapa, em Campos. Com a decisão, Garotinho poderá retornar a apresentar seu programa diário na Rádio Tupi, no Rio.

Dos sete ministros do TSE, quatro votaram pela concessão do HC – Tarcísio Vieira de Carvalho, Napoleão Nunes Maia Filho, Admar Gonzaga e Gilmar Mendes. Dois foram contrários – Rosa Weber e Herman Benjamin. Já o ministro Luiz Fux não participou do julgamento.

O presidente do TSE, Gilmar Medes, criticou duramente a prisão a classificando como ilegal e teratológica.

Os advogados de Garotinho, Carlos Azeredo e Antônio Maurício Costa, informaram que no julgamento do mérito do habeas corpus, todas as medidas cautelares impostas pela 100ª Zona Eleitoral de Campos foram suspensas, incluindo a proibição do ex-governador falar sobre o processo.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: