Parque do Desengano vai oferecer academia e alojamento para pesquisadores

O Instituto Estadual do Ambiente (Inea) inaugura, na sexta-feira (2/6), um alojamento e equipamentos da Academia da Terceira Idade no Parque Estadual do Desengano em um evento que será realizado na sede da unidade de conservação, no município de Santa Maria Madalena, no Norte Fluminense. Plantio de mudas e soltura de pássaros resgatados por policiais da Unidade de Policiamento Ambiental (UPAm) em operações para reprimir o tráfico de animais silvestres também farão parte das atividades que irão marcar a cerimônia de inauguração.

A construção do alojamento seguiu parâmetro ambientalmente correto com a utilização de tijolos ecológicos. O espaço será destinado ao abrigo de pesquisadores e funcionários do Inea quando em serviço. Também foram executadas a reforma da edificação para servir como moradia aos funcionários residentes do parque; obras de cercamento de alguns trechos da área da sede da unidade de conservação; recuperação e reforço da estrutura de duas pontes próximas ao orquidário; melhorias no abastecimento e armazenamento de água de todas as edificações; além de obras de drenagem e pavimentação na estrada de acesso à localidade conhecida como Morumbeca, no Parque Estadual do Desengano. As obras foram executadas com recursos da Câmara de Compensação Ambiental.

O Parque Estadual do Desengano também vai ganhar mais um atrativo para seus visitantes: uma academia pública para a terceira idade. Além de estimular as pessoas a praticarem atividades físicas, a academia ao ar livre desperta o interesse pela unidade de conservação, assim como uma conduta consciente junto à natureza.
Com 22.400 hectares de extensão, o parque estadual do Desengano abrange partes dos municípios de Santa Maria Madalena, São Fidélis e Campos, no Norte Fluminense. É a unidade de conservação estadual mais antiga do Rio de Janeiro: foi criada em 1970.

Dentre os seus atrativos está a trilha do Poço do Padre, cujo grau de dificuldade é leve. Durante o percurso, o visitante poderá desfrutar de um caminho no interior da Mata Atlântica, com paisagens exuberantes, passando por rio, poços e pequenas cascatas. O acesso para a trilha se dá em Santa Maria Madalena, onde é necessário pegar a Estrada de Terras Frias.

Outro atrativo é a trilha que leva à Pedra do Desengano. Antes de chegar à Pedra do Desengano, o visitante percorrerá a Serra dos Marreiros por trechos íngremes dentro da floresta e passagens sobre lajes de pedras cobertas de bromélias e orquídeas. Ao chegar ao cume, é possível ter uma visão privilegiada da Serra Morumbeca e a Serra Grande, conhecidas como o mar de morros que compõem o Vale do Paraíba do Sul.

Serviço

Visitação: de domingo a domingo, das 8h às 17h.

Endereço: Centro de Visitantes / Estrada José Dantas dos Santos, 35 – Itaporanga – Santa Maria Madalena – RJ –
Entrada pelo Horto Florestal Santos Lima

Telefones: (22) 2561-3072 / 2561-1378

Email: ped.inea@gmail.com

*Imprensa RJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: