Efeitos da crise: lojas fechadas no Centro de Campos giram em torno de 70

Não é novidade a crise economia que assola o país e já deixou mais de 14 milhões de trabalhadores desempregados, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Com a crise empresas fecharam suas portas, e o mercado imobiliário nunca teve tantos pontos comerciais disponíveis para aluguel, é o caso, por exemplo, de Campos (RJ), só na área central são em torno de 70 lojas prontas para locação.

A quantidade de lojas fechadas esperando por alguém que as alugue, foi confirmada por João Waked, presidente da Carjopa (Comerciantes e Amigos da Rua João Pessoa e Adjacências) que abrange diversas ruas, a maioria de comércio popular, no Centro de Campos.

“O problema existe, não há como negar. São muitas lojas fechadas em conseqüência da crise. Num trecho da João Pessoa mesmo o que não faltam são lojas disponíveis”, admite o presidente da Carjopa, se referindo ao trecho entre as Ruas Teotônio Fereira de Araújo e do Ouvidor.

Mas não falta expectativa de dias melhores. De acordo com ele, lojas fechadas na área central de Campos vem despertando o interesse de empresas que não param de fazer sondagens

“Acredito que o pior já tenha passado. Ou seja, temos observado uma recuperação, que, embora lenta, já significa que aos poucos haverá uma retomada”, diz o presidente da Carjopa, João Waked.

*Rep: Márcio Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: