Agricultores de SJB participam de “Feira no Porto”

Em uma iniciativa pioneira, produtores da agricultura familiar da Vila da Terra, em São João da Barra, participam de uma feira no Porto do Açu. A ação é uma parceria da Prefeitura, por meio da Secretaria de Agricultura, com a Prumo Logística, empresa que desenvolve e opera o Porto do Açu.

A “Feira no Porto” vai acontecer sempre às quartas-feiras, na área de vivência dos colaboradores do Porto do Açu, no período da tarde. No seu primeiro dia contou com a participação de oito agricultores, que puderam comercializar de forma direta seus produtos para os trabalhadores do empreendimento.

O secretário de Agricultura, Osvaldo Barreto, acredita no sucesso da iniciativa, que vai garantir mais uma alternativa de renda para essas famílias. “Nós já temos quatro pontos de feira diferentes e, com essa parceria, nossos agricultores ganham mais um espaço para vender seus produtos, desta vez com um público diferenciado, aumentando ainda mais sua receita”, destacou.

Ele ainda ressaltou que a Secretaria já desenvolve o projeto de geração de trabalho e renda, diversificação de cultura e fomento da produção, e o aumento das vendas por meio das feiras estimula a produção no campo, melhorando a qualidade de vida dessas famílias.

Os produtos à venda são todos da estação e colhidos no mesmo dia da feira. Frutas, verduras, hortaliças, ovos caipira, bolos, doces e temperos podem ser encontrados, assim como a simpatia do agricultor sanjoanense que recebe todos os consumidores sempre com um sorriso no rosto.

Para o agricultor Manoel Toledo, a “Feira no Porto” é mais uma oportunidade de comercialização de forma direta. “As feiras nos possibilitam o contato direto com o consumidor, vendendo sem o atravessador. Com isso podemos oferecer um preço melhor e também ganhar um pouco mais no preço final. Assim fica bom para todo mundo”, pontuou.

O gerente de Responsabilidade Social Corporativa da Prumo Logística, Caio Cunha, destacou que o projeto “Feira no Porto” visa fortalecer a integração entre o empreendimento e a comunidade do seu entorno. “Hoje, de fato, a comunidade está dentro do Porto. Os produtores acreditaram nesse projeto e estão aqui vendendo sem atravessadores e gerando mais renda para suas famílias. Ao mesmo tempo, os colaboradores têm a oportunidade de comprar produtos de qualidade em seu local de trabalho”, afirmou.

– Avaliando o resultado das vendas realizadas no primeiro dia de Feira, foi muito satisfatório tanto na questão de geração de renda, que foi em média 200,00 reais por agricultor, como para a elevação de sua autoestima. Eles ganharam ânimo para produzirem, pois possuem perspectiva de comercialização e desejam diversificar ainda a produção. Tudo isso está aguçando o empreendedorismo no campo, promovendo assim a agricultura de São João da Barra – explica a gerente de Programas e Projetos da Secretaria de Agricultura, Marcela Toledo.

As outras edições da feira do produtor acontecem em São João da Barra aos sábados, em frente à Prefeitura, e no domingo no Galpão do Produtor, na BR-356, entre Atafona e São João da Barra, das 6h às 13h. Em Campos dos Goytacazes as feiras são realizadas às terças e sextas-feiras, na Avenida 28 de Março, no Bairro Turf Club, e nos fundos da Rodoviária Roberto Silveira.

*Comunicação São João da Barra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: